Lixo rural no Brasil: a problemática da destinação correta de embalagens vazias de agrotóxicos e a realização de coleta seletiva

Ana Maria Sá Durazzini, Ediney Sebastião Paradelo

Resumo


Com o constante aumento populacional existente no planeta, há uma tendência do aumento do consumo e conseqüente aumento da geração de resíduos. O problema é grave nas
áreas urbanas, assim como nas áreas rurais, sendo estas últimas, muitas vezes não atendidas
pelos programas de coleta dos resíduos gerados, pelas autoridades responsáveis. O objetivo
deste estudo, foi buscar e disponibilizar informações à respeito da destinação adequada das
embalagens vazias de agrotóxicos e da coleta seletiva do lixo nas zonas rurais do Brasil, de
forma a subsidiar o delineamento de ações e políticas públicas para a minimização ou até
mesmo a eliminação dos problemas identificados. Sobre a destinação adequada de embalagens vazias de agrotóxicos, houve o entendimento da necessidade de disponibilização de uma
maior assistência técnica a produtores rurais, e sobre a coleta seletiva, a criação de campanhas
de sensibilização nas zonas rurais seriam necessárias, auxiliando os moradores sobre a forma
correta de dispor seus resíduos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18406/2316-1817v2n22010274

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Agrogeoambiental


Rev. Agrogeoambiental, Pouso Alegre, MG, Brasil. e-ISSN: 2316-1817

Licença Creative Commons

A Revista Agrogeoambiental está licenciada por uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.