Qualidade microbiológica da água de algumas nascentes de Muzambinho/MG

Marisa Donizetti Passos Barbieri, Claudiomir Silva Santos, Fabricio Santos Rita, Marcelo Antônio de Morais

Resumo


A água é o elemento essencial à manutenção da vida, para que esta possa ser consumida sem apresentar riscos à saúde e bem estar de seres humanos e outros animais deve apresentar padrões de potabilidade, caso isto não ocorra há eminente perigo de conter agentes prejudiciais. Este estudo teve por objetivo avaliar a potabilidade da água ou nascentes situadas ao norte do município de muzambinho-MG, também visou analisar o nível de poluição de um importante rio presente na mesma cidade. E através de uma comparação de amostras de água coletada em caixa d`água e diretamente das tubulações da Companhia de tratamento de água (COPASA) direcionou sobre os cuidados necessários por parte dos moradores com as caixas d`agua. Para que a água tratada não venha a ser contaminada por falta de limpeza destas. Foram coletadas 37 amostras ao todo, sendo que, as coletas nas nascentes ocorreram em diferentes estações do ano na seca (primavera) e no período chuvoso (verão), no segundo período de coleta houve três repetições com intervalos de quinze dias. As coletas foram realizadas de acordo com o método de coletagem tanto para água tratada quanto para as sem tratamentos. Essas amostras foram enviadas ao laboratório de Bromatologia e Água do IFSULDEMINAS CAMPUS MUZAMBINHO, onde as análises microbiológicas de coliformes totais, fecais ou termotolerantes e contagem de placas foram realizadas. Em um trabalho com 45 amostras de água na cidade de Alfenas foi verificado que 25 amostras apresentaram-se impróprias para o consumo humano em relação a bactérias heterotróficas que poderiam vir a apresentar riscos a saúde do consumidor. Os resultado obtidos com a maioria das análises não estão dentro das normativas estabelecidas pela portaria nº 2.914/2011 do Ministério da saúde, ou seja, impróprias para o consumo humano apresentado considerável risco a saúde.

Palavras chaves: água, potabilidade, contaminação, nascentes.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18406/2316-1817v1n12013588

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Agrogeoambiental

Rev. Agrogeoambiental, Pouso Alegre, MG, Brasil. e-ISSN: 2316-1817

Licença Creative Commons

A Revista Agrogeoambiental está licenciada por uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.