Impacto produtivo na inclusão de germoplasma Booroola em rebanho Corriedale

Fernando Amarilho-Silveira

Resumo


O objetivo desta nota é apresentar alguns resultados referentes ao impacto produtivo no primeiro ano de inclusão do germoplasma Booroola em um rebanho da raça Corriedale. Os dados foram tomados da produção de um rebanho geral da raça Corriedale, nascida no ano de 2013. Foram acasaladas 25 ovelhas com um carneiro Booroola (BN) e 50 com dois carneiros não Booroola (NN). As filhas do carneiro BN se mostraram mais resistentes aos parasitos gastrointestinais. Por outro lado, as filhas dos carneiros NN apresentaram menores valores para qualidade do fiado e maior fator de conforto. Com a inclusão do sangue Booroola neste rebanho, foram obtidos ganhos genéticos para resistência a parasitos gastrointestinais.


Palavras-chave


Diferença esperada na progênie. Ovinos. Resistência a parasitos gastrointestinais.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18406/2316-1817v9n22017964

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Agrogeoambiental

Rev. Agrogeoambiental, Pouso Alegre, MG, Brasil. e-ISSN: 2316-1817

Licença Creative Commons

A Revista Agrogeoambiental está licenciada por uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.