Avaliação da eficiência do controle biológico associado ao químico no manejo das cigarrinhas-das-pastagens

Vander de Freitas Rocha, Luiz Fernando Caldeira Ribeiro

Resumo


O uso do fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae, associado a inseticidas, de maneira que não afete seu desenvolvimento, e tendo como resultado a redução populacional da praga, constitui o objetivo deste trabalho de pesquisa, cuja execução ocorreu no município de Alta Floresta no norte mato-grossense. O delineamento experimental foi conduzido em blocos ao acaso. Os ensaios foram compostos por 12 tratamentos e 4 repetições, totalizando 48 parcelas. A metodologia utilizada na contagem dos insetos e de massas de espumas foi a rede varredura para captura de cigarrinhas adultas e o quadrado de 0,25 cm para ninfas. Foram realizadas cinco leituras em intervalo de sete dias. Os dados foram tabulados e submetidos à análise de variância e comparados pelo teste de Duncan a 5 % de probabilidade. A mistura de defensivos químicos e biológicos mostrou-se promissora tanto no controle de Mahanarva fimbriolata quanto no de Deois flavopicta. Para o controle de massa de espuma, foi observada a mesma tendência. O uso associado do fungo entomopatogênico M. anisopliae e inseticidas constituiu uma alternativa de controle eficiente nas condições em que foi realizado o trabalho; o tratamento com Fipronil (10 mL ha-1.), associado ao Metarhizium anisopliae, mostrou-se mais eficiente entre todas as avaliações.

Palavras-chave: Metarhizium anisopliae. Mahanarva fimbriolata. Deois flavopicta. Fipronil.


Palavras-chave


Metarhizium anisopliae; Mahanarva fimbriolata; Deois flavopicta; Fipronil

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18406/2316-1817v8n22016790

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 Revista Agrogeoambiental

Rev. Agrogeoambiental, Pouso Alegre, MG, Brasil. e-ISSN: 2316-1817

Licença Creative Commons

A Revista Agrogeoambiental está licenciada por uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.